Header Ads

Carta da Autora: Balanço do Ano e Livro no Forno


Queridos Leitores, Queridas Leitoras,

Gostaria, em primeiro lugar, de agradecer sua preciosa atenção e participação no crescimento gradual desse blogue. Como falei, esse projeto foi iniciado em 2008, ainda na faculdade, pouco depois que ingressei no meu primeiro estágio de tradução e percebi que a realidade tradutória era bem diferente daquela que vivíamos no universo acadêmico. Nesse universo, amparados pelos professores e frescores da universidade, levávamos de uma a duas semanas para traduzir um mero parágrafo devidos às longas intermináveis discussões de qual era a melhor ou pior escolha de tradução. Pura filosofia. No estágio, não demorei (leia-se: logo na primeira semana) a descobrir, que nada mais, nada menos que 300 páginas me esperavam para serem traduzidas dentro de poucos dias. Ao me deparar com uma realidade como essa, voltei aos meus colegas, tal qual o homem que sai da sua caverna e descobre um mundo totalmente novo, para lhes dizer: "homens, essas sombras que veem não correspondem ao mundo lá fora! Vamos montar um blogue e mostrar aos outros como é".

No início, demos continuidade à filosofia, claro. Os arquivos de 2008 mostram bem como eram nossos devaneios acerca do ato tradutório ou "ser ou  não ser" um tradutor: são basicamente crônicas, sugestões de utensílios de tradução e um ou outro piripaque. Em 2009 o blogue não existiu. E em 2010, eu já andava por essas terras áridas sozinha: alguns colegas já tinham se formado e outros não compravam mais a ideia de que precisávamos mostrar aos outros como é o universo da tradução, de fato. Mas foi em 2011, pouco antes de entregar minha monografia sobre a localização e tradução de rótulos, que renasceu em mim a vontade de espalhar para o mundo e outros colegas tradutores como a gente se sente, trabalha, pensa e vive disso. A sombra que me assombrava agora era o mercado de trabalho...E que, sei, assombra muitos outros.

Por isso, passei a investir no visual do blogue, estudar código html (o básico para sobreviver e deixar o blogue mais bonito para você), investir em redes sociais, dividir meu tempo entre os trabalhos autônomos de  tradução, o trabalho "real" para começar a contribuir com minha aposentadoria, e selecionar e escrever artigos para você. E mais uma vez eu lhes agradeço de coração aberto, porque é sempre pensando em você, querido e querida leitores, que de quando em quando volto e mudo todo o visual da página, procuro por assuntos que talvez possam ser de seu interesse para não deixar isso morrer de novo. E não me canso, porque o investimento tem valido a pena: desde que retomei as atividades desse espaço, em junho de 2011, o blogue saltou de pouco mais de 200 visitas nos últimos três anos para 15 MIL VISITAS. Os gráficos não me deixam mentir:


E isso não é pouco: é resultado de um grande esforço - o esforço de propagar informações acerca da tradução. Não admitirei mais ouvir colegas recém-formados em uma universidade federal não saberem calcular pelo seu serviço de tradução ou reclamarem de que não há oportunidades de trabalho no mundo lá fora, fatores esses que foram determinantes para me fazer retomar o blogue com maior seriedade. É também resultado do estímulo dado cada vez que um de vocês curtiu a página no Facebook, começou a seguir no Twitter, assinou nossas atualizações por e-mail ou simplesmente acessou o blogue em busca de alguma informação relacionada ao universo da tradução. E espero que continuemos a crescer neste novo ano, com divulgação de mais eventos em torno da tradução que nos traga novos esclarecimentos, oportunidades de trabalho e compartilhar muita satisfação o exercício da profissão que escolhemos por necessidade, acaso ou simplesmente amor!

E por falar em satisfação, tenho o prazer de anunciar minha participação como co-autora, ao lado de Raquel Barroso e Cristiane Roscoe Bessa, na segunda edição do livro sobre tradução e localização de rótulos de cosméticos e comestíveis, a ser lançado este ano. O tema, ainda pouco explorado no Brasil, mas que já é discutido no universo a fora, como foi demonstrado por Juliane House durante suas palestras na UnB, afeta diretamente nossa vida como tradutores e consumidores. Antes do lançamento, espero dar algumas prévias do que virá por aí! Esperamos que gostem!

Grande abraço e meus sinceros votos de um 2012 cheio de paz, luz e muita realização profissional e pessoal, e que continuemos a dar grandes passos no sentido de proporcionar à Tradução o reconhecimento que ela realmente merece!

Janaina A.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.